quarta-feira, 1 de julho de 2009

Notas

Notas; musicais, Notórias...
Notas, Notáveis, que Notifico em minha mente.

Por que diabos não me deixam em paz?!
Não Notam que o professor está a falar e eu deveria estar a aNotar?
Nota-se que não! Não vão parar, logo Nota boa não vou tirar.

Malditas! Notas só pensam nelas mesmas, são egoístas e petulantes! Notavelmente não lhe abandonam nunca! Só vão mesmo quando você já nem mais pensa nelas, ou melhor, quando não as Notamos mais.

Notórias, Nostálgicas, Mentais, Musicais...
Notas, Notáveis, que Notifico em minha mente.
Notas.


Nota mental: Mandar - quem sabe - esse texto para o blog assim que esse F (lê-se Fá maior) parar de me pertubar.

2 comentários:

Poeta do Exílio disse...

Pra muitos ela é vital;
Fazem dela alicerce para a auto-afirmação.

Para outros é poesia, mediada por instrumentos ou pela voz.

Esquecê-las, enquanto instrumento de poder, é libertar-se de mais uma possibilidade de se tornar refém. E quem sabe, com um pouco de talento e sorte, não sejais um sortudo a escrever versos como quem ama?

Versículo de Souza disse...

Complica-me, ó caro poeta, lembrar em notas ao final do semestre, pois a única nota musical que me acompanha é daquelas trilhas de fundo de filme de terror. Tutututu e o Tubarão me alcançando e o Chuck me seguindo.
Contudo, entendo-te perfeitamente. E, em meio a tamanha poluição sonora e vírus pandêmicos, por vezes alguns trechos detestáveis agarram-se à nossa mente como sanguessugas, atacando-nos em círculos a cada 30 segundos.. Mas vamos falar de coisas boas pois Hoje É Festa Lá No Meu AP...